Siga-nos no
Cultura

Cozinha

Le fameux poisson cru tahitien en Polynésie française
© tim-mckenna.com

A Polinésia Francesa é beneficiada pelas condições climáticas ideais e, por isso, é um verdadeiro Jardim do Éden, no qual a exuberância e a abundância andam de mãos dadas. Neste país inundado pela luz do sol, os agricultores cultivam uma grande variedade de frutas, especiarias e legumes com nomes sugestivos que nos lembram lugares distantes. Esses tesouros exóticos são muito apreciados pelos consumidores, porque combinam qualidades aromáticas e benefícios nutricionais, dando grande prazer para o corpo e para o paladar.

A lendária planta de fruta-pão ou uru, o coco, as dezenas de variedades de banana, das quais uma é a incomparável banana-laranja ou fe'i, os vários tubérculos, como taro, tarua, ufi e até mesmo'umara, compõem a base da cozinha da ilha. Papaias, mangas, abacaxis, melancias, toronjas (grapefruit), limas com vagem de baunilha são usados para preparar saborosas sobremesas.

Os peixes de lagoa ou de mar, que vão desde a perca e o dourado (mahi mahi) até o peixe-papagaio nas Ilhas Tuamotu0,0000000, em especial, também estão no menu de pratos típicos polinésios. Os peixes muitas vezes são comidos crus, às vezes marinados em suco de limão e leite de coco, como nos peixes crus "à la Tahitienne", encontrada em todo o mundo.

Todos esses alimentos tropicais são encontrados nos tradicionais ahima'a ou fornos polinésios, onde frutas, vegetais, leitões, frango tahitiano, fafa (espinafre local) e outras iguarias, como po'e ou confeitos de frutas locais. Tudo é salpicado com óleo de coco fresco e deliciosamente cremoso. Numerosos serviços turísticos também permitem descobrir os sabores das ilhas em piqueniques organizados em praias ou em uma motu (ilhota), degustando as delícias enquanto os pés balançam na água. Esses passeios são uma oportunidade de saborear peixe fresco, como o apetitoso ume, o peixe imperador-de-nariz-comprido das lagoas e os pequenos lúcios.

close